sandálias lindas e com ótimo preço!

31 de dezembro de 2011

O Filho da vida




Levanto, faço as mesmas coisas de todas as manhãs
Mas o sentimento não é o mesmo no ultimo dia do ano
E a primeira musica que ouço o nome é Sem Surpresas,
Mas ao contrario do que a musica, sim eu espero muitas surpresas
Nesse ano que nasce ás 00h00min.
Vou criar-lo como um filho, mas vou deixar q ele cresça sozinho.
E que venham as surpresas...
Viva aos desencontros, que como diz uma amiga minha
“não deixa de ser um encontro”.
Viva a dor, as alegrias, aos amores correspondidos e por que
Não aos não correspondidos, eles não deixam de ser um aprendizado,
É como se o amor dissesse “vá em frente, ainda não é sua hora.”
E eu vou...
Caminhando para ir ao trabalho me vejo como todas as manhãs,
Mas não sou a mesma dentro de mim.
Levo comigo os aprendizados, as dores, as alegrias da minha “Eu” de 2011
E me renovo neste ultimo dia para o novo filho da vida 2012.

#FELIZ ANO NOVO A TODOS :)

Um comentário:

  1. Cheio de detalhes importantes esse texto.. devemos pedir o que há de bom mas também admitir que as coisas não tão boas virão.. e assim, esperamos ter fé e coragem. Desencontros são encontros disfarçados, né? Que seja, que 2012 seja um ano especial, mas isso ninguém vai fazer por você, só você pode cuidar pra que de o melhor de si a cada dia... E se um dia esquecer como se faz isso, arranje uma boa amiga... =)

    Otimo texto, continue botando pra lá na blogosfera em 2012, e muito sucesso. Beijos!!

    ResponderExcluir